Coritiba vence o Atlético-PR por 1 a 0 na primeira partida da final
02/04/2018 10:08 em Futebol - Paranaense da Primeira Divisão

O domingo de Páscoa foi de comemoração para a torcida coxa-branca. O Coritiba venceu o Atlético-PR no Estádio Couto Pereira, na primeira partida da final do Campeonato Paranaense. O gol alviverde foi marcado por Julio Rusch, Piá do Couto, em uma cobrança de falta na medida ainda no primeiro tempo.

 

O jogo foi de muita disputa e entrega do time coxa-branca, que conseguiu o gol e lutou para manter a vitória no placar até o último minuto da partida. Agora só faltam mais 90 minutos e os acréscimos para saber quem vai ficar com o título estadual deste ano.

 

O Coritiba jogará na Arena da Baixada, no próximo domingo (08), a partir das 16h, com a vantagem do empate para ficar com o título. Caso o time adversário consiga vencer por um gol de diferença, a decisão será nos pênaltis.

 

Após muita expectativa, Coritiba e Atlético-PR iniciaram a disputa de mais uma final de Campeonato Paranaense. Para a partida, o Coxa iniciou o jogo com mudanças. Thalisson Kelven retornou de lesão no setor defensivo, enquanto Pablo e Thiago Lopes foram novidades na frente. Além disso, Evandro foi escolhido para o lugar de Alecsandro, vetado com dores no joelho.

 

Com a bola rolando, os minutos iniciais foram de muito estudo entre as duas equipes e poucas oportunidades claras de gol. O Coxa investia nas jogadas de velocidade pelos lados do campo, especialmente com Pablo e Marcos Moser pelo lado direito.

 

Aos poucos, o jogo foi ganhando em emoção. De um lado, Ederson recebeu a bola em profundidade e parou na grande defesa de Wilson. A resposta coxa-branca veio na sequência, com jogada de velocidade de Pablo que cruzou, Evandro chutou e Caio salvou o Atlético-PR.

 

Diante do equilíbrio da partida, o Coxa achou, na bola parada, a alternativa para abrir o placar. Evandro foi derrubado na intermediária. E então, Julio Rusch cobrou com categoria, para o fundo das redes, levando a torcida à loucura no Couto Pereira.

 

Após o gol, a partida passou ter disputas mais fortes no setor de meio campo. O árbitro da partida Rafael Traci inclusive teve a necessidade de aplicar alguns cartões amarelos.

 

No segundo tempo, as equipes voltaram com as mesmas formações. Logo aos três minutos, Léo Pereira, que já tinha cartão amarelo, puxou Pablo e matou o contra- ataque alviverde. A arbitragem optou por não aplicar o segundo amarelo no atleta atleticano.

 

Na sequência da jogada, Thiago Lopes rolou a bola para Pablo. Ele bateu de primeira e a bola passou muito próxima do gol de Caio. Aos nove minutos, em jogada muito rápida, Evandro rolou para Thiago Lopes, que bateu forte, rasteiro, mas Caio fez grande defesa.

 

Atrás no placar, o Atlético-PR procurou a ficar mais tempo com a bola no setor ofensivo. Apesar da posse de bola, o time atleticano não conseguia penetrar área alviverde, muito pela eficiente marcação apresentada pelo sistema defensivo coxa-branca.

 

Procurando dar mais velocidade ao ataque, a comissão técnica alviverde colocou Guilherme Parede na vaga de Evandro. Na sequência, Matheus Galdezani precisou ser substituído. Vitor Carvalho entrou na equipe, voltando após período de recuperação. Quem também entrou no Coxa foi Simião, na caga de Julio Rusch, que sentiu e precisou deixar o gramado.

 

Nos últimos minutos da partida, o Coxa se fechou em campo e impediu as chegadas do Atlético-PR, mantendo a vantagem no placar e fechando o primeiro jogo da final do Campeonato Paranaense com vitória coxa-branca.

 

Próximo jogo

Agora são mais 90 minutos de bola rolando para definir qual será o time campeão paranaense em 2018. A partida será na Arena da Baixada, às 16h, do próximo domingo (08), e o Coritiba joga com a vantagem de poder empatar a partida para ficar com o título. Caso o Atlético-PR vença por um gol de diferença, a decisão será nos pênaltis. (CoritibaOficial)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!