Brasil fica em sétimo no Mundial de Vôlei Sub-19
03/09/2021 14:23 em Vôlei

A seleção brasileira sub-19 masculina de vôlei encerrou a participação no mundial da categoria na sétima posição. Na quinta-feira (2), pela última rodada da competição, o Brasil venceu a Alemanha por 3 sets a 1 (25/17, 23/25, 26/24 e 26/24), em Teerã, capital iraniana.

No jogo o destaque do Brasil foi o oposto Samuel que anotou 14 pontos. No entanto, o maior pontuador foi oposto alemão Joscha Kunstmann, que marcou 17 vezes. O treinador da equipe brasileira, Fabiano Ribeiro, o Magoo, lamentou o excesso de erros do time no confronto, mas comemorou a vitória na despedida da competição.

“A partida de hoje teve um nível técnico um pouco abaixo do que esperávamos, com muita oscilação das duas equipes. Nós tivemos mais sorte, mas cometemos erros e desperdiçamos algumas bolas importantes. Mas o importante é que saímos com a vitória e o sétimo lugar na bagagem”, disse Magoo.

A seleção brasileira sub-19 masculina encerra o mundial com cinco vitórias em oito jogos. Na fase de grupos os brasileiros venceram a Bielorrússia (3x0), a Colômbia (3x1) e a República Tcheca (3x2), mas foram superados pela equipe italiana (0x3), e ficaram em segundo no grupo B. Nas oitavas de final o Brasil passou pela Índia (3x0), mas, nas quartas de final, sofreu o revés para a Rússia (0x3), e se despediu da disputa pelo título. Na rodada seguinte mais um confronto contra a Itália com vitória para os adversários (0x3). Para encerrar, resultado positivo contra os alemães. Magoo destacou o aprendizado ao longo da competição.

“Foram dias de grande aprendizado para todos nós. Mesmo não tendo o resultado que esperávamos, fizemos o nosso melhor e parabenizo a todos pelo esforço aqui desprendido”, completou o treinador.

O Brasil viajou para a competição no Irã com os levantadores Pedro Henrique Sousa e Ramon Halfeld; os centrais Guilherme Henrique Silva, Thiery do Nascimento e Witallo Oliveira; os ponteiros/opostos Samuel Neufeld, Carlos Henrique de Castro, Pedro Marcon, Lukas Bergmann, Maicon França e Arthur Bento; e o líbero Bernardo Adam. Na história da competição a equipe brasileira tem sete medalhas, seis delas de ouro.

MUNDIAL SUB-19 MASCULINO 2021

GRUPO B: BRASIL, Itália, República Tcheca, Bielorrússia e Colômbia

TABELA

24.08 (TERÇA-FEIRA) BRASIL 0 x 3 Itália (25/27, 21/25 e 21/25)

25.08 (QUARTA-FEIRA) BRASIL 3 x 0 Bielorrússia (25/20, 25/16 e 25/21)

26.08 (QUINTA-FEIRA) BRASIL 3 x 1 Colômbia (27/29, 25/12, 25/12 e 26/24)

28.08 (SÁBADO) BRASIL 3 x 2 República Tcheca (25/21, 21/25, 19/25, 25/17 e 15/9)

OITAVAS DE FINAL

30.08 (SEGUNDA-FEIRA) BRASIL 3 x 0 Índia (25/19, 25/17 e 25/23)

QUARTAS DE FINAL

31.08 (TERÇA-FEIRA) BRASIL 0 x 3 Rússia (19/25, 25/27 e 15/25)

DISPUTA DE 5-8

01.09 (QUARTA-FEIRA) BRASIL 0 x 3 Itália (25/18, 25/17 e 25/18)

DISPUTA DE 7º LUGAR

02.09 (QUINTA-FEIRA) BRASIL 3 x 1 Alemanha (25/17, 23/25, 26/24 e 26/24)

(Texto: CBV. Foto: FIVB)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rodape