Maringá vacina pessoas com 16+ e de 12 a 17 com comorbidade e deficiências
13/10/2021 10:29 em Notícias de Maringá

Nesta quarta-feira, 13 de outubro, a Prefeitura de Maringá vacina contra a covid-19, com a 1ª dose, adolescentes com 16 e 17 anos sem comorbidade; adolescentes de 12 a 17 com comorbidade, deficiência permanente, gestantes e puérperas (precisam apresentar declarações no ato da vacinação); e pessoas com 18 anos ou mais.

 

Todos precisam apresentar documento pessoal com foto, carteira de vacinação e comprovante de residência em Maringá. Gestantes devem levar prescrição médica. Menores de 18 anos precisam apresentar declaração assinada pelos pais/responsáveis Confira as declarações: http://www2.maringa.pr.gov.br/cdn-imprensa/vacinacomorbidade.pdf

 

A vacinação de 3ª dose será destinada para o público 65+ e trabalhadores da saúde que atuam em Maringá com 2ª dose aplicada há mais de 180 dias e em pessoas com alto grau de imunossupressão com 2ª dose aplicada há mais de 28 dias. Este último público deve apresentar comprovações como declaração médica, receita, exames ou encaminhamento.

 

IMPORTANTE: A dose de reforço vale para pessoas com 65+, trabalhadores da saúde e imunossuprimidos que tenham tomado as duas primeiras doses de Pfizer (imunizante que será aplicado amanhã) ou de outro fabricante. Ou seja, mesmo quem tomou Coronavac ou Astrazeneca deve tomar o reforço da Pfizer. Todos devem apresentar documento com foto, CPF e carteira de vacinação.

 

A segunda dose segue destinada para todos os públicos. Confira na caderneta de vacinação se já chegou o momento de receber a imunização completa. Leve o documento pessoal com foto e carteira de vacina.

 

 

1ª DOSE: Adolescentes de 16 e 17 anos sem comorbidades e adolescentes de 12 a 17 anos: com comorbidades ou deficiência permanente, gestantes e puérperas

9h às 16h

UBS Industrial, UBS Cidade Alta, UBS Ney Braga e UBS Parigot de Souza

 

1ª DOSE: Pessoas com 18 anos ou mais

9h às 16h

UBS Alvorada I

 

3ª DOSE: Pessoas com 65 anos ou mais (com 2° dose aplicada há pelo menos 6 meses)

9h às 16h: UBS Floriano (com agendamento), UBS Aclimação, UBS Grevíleas, UBS Alvorada III, UBS Império do Sol, UBS Universo, UBS Cidade Alta e UBS Olímpico.

 

9h às 17h: UBS Iguatemi, UBS Guaiapó-Requião, UBS Pinheiros, UBS Policlínica Zona Sul, UBS Iguaçu, UBS Tuiuti e UBS Mandacaru.

 

3ª DOSE: Imunossuprimidos (com 2ª dose aplicada há pelo menos 28 dias)

9h às 17h: UBS Iguaçu, UBS Mandacaru, UBS Pinheiros, UBS Zona Sul e UBS Tuiuti

 

3ª DOSE:Trabalhadores da saúde (com 2° dose aplicada há pelo menos 6 meses)

9h às 16h: UBS Vila Vardelina, UBS Aclimação, UBS Alvorada III e UBS Zona 7

 

9h às 17h: UBS Pinheiros, UBS Policlínica Zona Sul, UBS Iguaçu, UBS Tuiuti e UBS Mandacaru.

 

2° DOSE - TODOS OS PÚBLICOS

AstraZeneca (84 dias após 1ª dose)

9h às 16h: UBS Floriano, UBS Império do Sol, UBS Grevíleas, UBS Universo, UBS Olímpico, UBS Vila Operária e UBS Morangueira

 

9h às 17h: UBS Iguatemi

 

Pfizer (56 dias após 1ª dose)

9h às 16h: UBS Internorte, UBS Universo, UBS Morangueira e UBS Vila Operária

 

9h às 17h: UBS Piatã, UBS Ney Braga e UBS Zona 6

 

Coronavac (28 dias após 1ª dose)

9h às 16h: UBS Vila Operária e UBS Morangueira

(Foto: Aldemir de Moraes/PMM)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rodape