Maringá FC perde de 4 a 2 para o Coritiba na final do Campeonato Paranaense
03/04/2022 17:52 em Futebol - Paranaense da 1ª Divisão

Orlando Gonzalez

Fim de jogo no Couto Pereira, em Curitiba. O Coxa venceu o Maringá FC por 4 a 2 e faturou o seu título estadual de número 39. O último gol do jogo foi anotado por Léo Gamalho, 39 minutos. De fora da grande área, mandou na ´gaveta´e ampliou o marcador para o Coritiba, por 4 a 2, na decisão do Campeonato Paranaense, que acontece no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. É o gol de número 32 de Gamalho na temporada. Na jogada seguinte, o Coxa acertou o travessão do Maringá.

Os quase 30 mil torcedores do Coxa comemoram no Couto, enquanto os maringaenses teoricamente estão satisfeitos com a campanha, que colocou o time na Série D do Brasileiro e Copa do Brasil de 2023.

Gui Sales, aos 32 minutos do segundo tempo, usou a cabeça para anotar o segundo gol do Maringá FC contra o Coritiba, que vence por 3 a 2 no segundo jogo da final do Paranaense, que acontece no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. Com o resultado, o Coxa fica com o título do Estadual. O Maringá, no mínimo precisa de dois gols para levar para os pênaltis.

Igor Paixão, aos 8 minutos do segundo tempo, anotou o segundo dele e o terceiro do Coritiba, que vai vencendo o Maringá FC por 3 a 1, no Couto Pereira, no segundo jogo decisivo do Campeonato Paranaense. Com o resultado, o Coxa vai ficando com o título do Estadual.

Antes dele, Alex Manga no primeiro minuto e depois Igor Paixão, aos 4 min, balançaram as redes do Tricolor na etapa final.

 

PRIMEIRO TEMPO

Encerrado o primeiro tempo do segundo jogo da final do Campeonato Paranaense, entre Coritiba e Maringá, que acontece no Estádio Couto Pereira, em Curitiba. O Maringá Futebol Clube vence por 1 a 0, com gol de Matheus Bianqui, aos 15 minutos. Alemão, do Tricolor, também acertou a bola no travessão do Coxa, que joga mais no ataque e pressiona.

Antes de acabar a primeira etapa, aos 42minutos, Mirandinha finalizou e quase balançou as redes. O Tricolor chegou cinco vezes com perigo à meta do Coxa.

O torcedor do Coritiba já começa a cobrar o time, que não consegue balançar as redes.

Com a vitória, o Maringá leva a definição do campeão às cobranças de penalidades máximas, já que não existe saldo de gols na final. O Coxa joga pelo empate para ficar com o título, enquanto o Maringá precisa da vitória para levar aos pênaltis.

(Foto: Robson Mafra/AGIF)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!
Rodape