Offline

Aurélio Miguel será homenageado no II Congresso Olímpico Brasileiro
01/03/2022 18:47 em Judô

O Hall da Fama do Comitê Olímpico do Brasil (COB) ganhará três novos integrantes. Aurélio Miguel (judô), medalha de ouro nos Jogos Olímpicos Seul 1988 e bronze em Atlanta 1996; Hélia de Souza, a “Fofão” (vôlei), campeã olímpica em Pequim 2008, bronze em Atlanta 1996 e Sydney 2000; além de Servílio de Oliveira (boxe), bronze na Cidade do México 1968 e primeiro brasileiro a conquistar medalha olímpica na modalidade, serão homenageados durante o II Congresso Olímpico Brasileiro, que acontece entre os dias 19 e 20 de março, em Salvador (BA). 

“Homenagear estes grandes atletas que contribuíram de maneira marcante com o esporte olímpico brasileiro durante um evento tão significativo para o COB como o Congresso Olímpico, é não somente valorizar e manter viva toda a nossa história, mas também inspirar novas gerações. Estamos muito orgulhosos e felizes em acrescentar, nesta ocasião, Aurélio Miguel, Fofão e Servílio de Oliveira à galeria dos heróis olímpicos do nosso país”, disse o presidente do COB, Paulo Wanderley.   

Criado em 2018 com o objetivo de exaltar, difundir e eternizar aqueles que fazem a história do Movimento Olímpico do país, o Hall da Fama do COB já possui 20 homenageados, entre atletas e treinadores de modalidades olímpicas. Todos os integrantes terão seus moldes expostos em um espaço de preservação da memória olímpica montado pelo COB. Todos eles terão ainda um espaço na versão digital, lançado em junho de 2021, quando o COB completou 107 anos. Com perfis detalhados e grande acervo de fotos e vídeos em parceria com COI, Confederações e imprensa, a área pode ser acessada por meio deste link. As páginas dos novos integrantes no Hall da Fama Digital serão adicionadas conforme as homenagens forem sendo feitas. 

Durante a cerimônia do Prêmio Brasil Olímpico 2021, realizada em Aracaju (SE), mais quatro ícones do esporte nacional foram homenageados: Adhemar Ferreira da Silva (atletismo), Magic Paula (basquete), Sebastián Cuattrin (canoagem de velocidade) e Tetsuo Okamoto (natação) passaram a ter áreas inteiramente dedicadas às suas histórias e foram eternizados na memória olímpica. Neste mesmo ano, Aída dos Santos (atletismo) e Wlamir Marques (basquete) também eternizaram seus pés e mãos no Hall da Fama do COB.

Confira abaixo os principais resultados dos homenageados do Hall da Fama do COB:

 

Aurélio Miguel (Judô)

- Campeão olímpico em Seul 1988; 

- Bronze nos Jogos Olímpicos de Atlanta 1996;

- Primeiro brasileiro a conquistar ouro olímpico no judô. 

 

Hélia Souza “Fofão” (Vôlei)

- Campeã olímpica em Pequim 2008;

- Bronze nos Jogos Olímpicos Atlanta 1996 e Sydney 2000;

- Campeã dos Jogos Pan-americanos Winnipeg 1999;

- Prata nos Jogos Pan-americanos Havana 1991 e Rio 2007.

 

Servílio de Oliveira (Boxe)

- Bronze nos Jogos Olímpicos Cidade do México 1968;

- Primeiro brasileiro a conquistar medalha olímpica no boxe.

(Fonte: COB)

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!